Bolha na boca: doenças mais comuns, como tratar e mais. - Superando a Herpes

Bolha na boca: doenças mais comuns, como tratar e mais.

Você sabia que o seu corpo emite sinais quando há alguma coisa errada com você? Esses sinais, também conhecidos como sintomas, podem aparentar algo “inocente”, como uma bolha na boca. Porém, essa mesma bolha pode esconder doenças mais sérias que precisam de tratamento. Todos os pequenos sinais que aparecem devem ser levados a sério, sendo que muitos deles podem ser facilmente resolvidos com remédios caseiros e tem cura.

Ferida na boca pode indicar lúpus, sífilis, HPV, herpes labial simples e muitas outras doenças. Para saber qual a causa da sua ferida, é preciso ir ao médico para que ele analise outros sintomas e faça os exames necessários.

Se você quer saber quais as doenças podem causar bolhas tanto lábio inferior, como no céu da boca, na gengiva, ao redor dos lábios, na língua, glândula salivar, parte interna da boca, na superfície na pele, ou seja, na boca em geral, você pode acompanhar aqui o melhor conteúdo sobre essas bolhinhas incômodas.

› › › Clique Aqui e Conheça uma Forma 100% NATURAL para Eliminar a Herpes

O que causa bolha na boca

O que causa bolhas na boca?

As bolhas podem ter várias origens, como picos de estresse, doença inflamatória no intestino, alergia a algum alimento, dermatite de contato e até mesmo alterações no sistema imunológico. Neste caso, existem grandes chances de ser uma doença mais grave como herpes ou lúpus.

Muitas vezes quando em nível de complicação, podem causar dor de dente, interferir na saúde bucal, no bem estar e até na relação com outras pessoas, porque pode causar nojo e sensação de falta de limpeza.

Entenda como se pega herpes

Há 3 tipos de herpes:

Os sintomas da herpes são bem parecidos, independente do tipo. Geralmente a doença causa vermelhidão, ardor e bolhas com líquido claro. No tipo 1 ou herpes labial simples, as bolhas surgem na boca, podendo formar feridas doloridas. Isso porque vírus da herpes simplex se instala diretamente na mucosa da boca e lábios.

Já no tipo 2 ou herpes genital, as bolhas surgem na região genital e no ânus, além de outros sintomas como a dor ao urinar.

Herpes tipo 3 ou Zóster também é conhecido como o vírus da varicela ou catapora. Esse último, é o único tipo que possui vacina e pode ser evitado, sendo que uma vez que se pega herpes mesmo que em outras partes  do corpo, é importante saber que não tem cura, você tem que aprender a conviver com o vírus para sempre.

Herpes é contagioso e seu contágio ocorre através de secreções corporais. Por esse motivo recomenda-se não beijar ou ter relações sexuais enquanto estiver com a doença aflorada. O tratamento é simples e dura entre 5-7 dias. Não se desespere, o herpes na boca necessita de alguns cuidados simples como quando em contato ao sol na ferida e outros.

Geralmente, o primeiro contato com o vírus acontece ainda na infância com secreções orais, porém ele fica no organismo em estado de latência. Posteriormente, na fase adulta, vários fatores como alterações no sistema imunológico ou até o estresse podem desencadear a reativação do vírus causando os sintomas. Ele também pode demorar apenas alguns dias para se manifestar, além disso é herpes e nada mais grave.

A herpes labial também é transmitida pelo uso compartilhado de determinados objetos, como copos e talheres. Após o primeiro caso, o paciente fica suscetível a sofrer com o problema novamente no futuro.

Sintomas do lúpus

As doenças que afetam o sistema imunológico são chamadas de autoimune. O lúpus é uma delas. Nesse tipo de doença, o próprio sistema ataca as células do corpo desencadeando uma série de sintomas que envolvem as bolhas na boca. Outros sintomas são:

  • Febre;
  • Perda de cabelo;
  • Inflamação dos órgãos;
  • Fadiga;
  • Inchaço nas articulações.

Essa doença afeta em sua maior parte mulheres com idade entre 20 e 45 anos. Porém homens também podem ter. Não é contagioso e sim desenvolvido pelo próprio organismo.

› › › Clique Aqui e Conheça uma Forma 100% NATURAL para Eliminar a Herpes

Bolhas e feridas na boca podem indicar uma série de problemas. O ideal é sempre consultar um médico para o diagnóstico correto. De outra forma, tratar apenas as bolhas pode ser algo paliativo, já que o verdadeiro problema não foi tratado e as bolhas poderão voltar.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply